Inicio Notícias Ford Mustang fica R$ 15.910 mais caro

Ford Mustang fica R$ 15.910 mais caro

Ford Mustang fica R$ 15.910 mais caro
3
0


O Ford Edge ST, primeiro dessa linhagem a ser vendido oficialmente no Brasil, mal chegou e já causou um efeito negativo na linha da montadora. O esportivo Mustang recebeu um significativo aumento de R$ 15.910, chegando aos R$ 315.900.

A medida foi tomada para distanciar os modelos, uma vez que o SUV custará praticamente o mesmo que custava o esportivo (R$ 299 mil para o Edge e R$ 299.990 para o antigo preço do Mustang). Apesar disso, o pony car não sofreu qualquer alteração.

+ Ford Mustang x Chevrolet Camaro: meio século de rivalidade à prova na pista de testes
+ Ford Mustang Bullitt: reunimos duas gerações do mito

Sendo assim, em termos de equipamentos, o Mustang continua ostentando a central multimídia SYNC 3 com GPS, câmera de ré e sistema de som Shaker Pro da Sony, além de painel totalmente digital configurável, ar-condicionado de duas zonas e faróis full-LED com facho alto automático (o conjunto óptico do rival é de xenônio com iluminação diurna em LED).

Em termos de segurança, há oito airbags, controles de estabilidade e tração, Isofix para a ancoragem de duas cadeirinhas no banco traseiro, sensor de ponto cego e freios Brembo com ABS. Além de auxílio de permanência em faixa, controle de cruzeiro adaptativo (acelera e freia o carro sozinho de acordo com a distância do veículo da frente), frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres e alerta de colisão frontal.

O Mustang GT Premium que vem ao Brasil é equipado com o pacote Performance, que adiciona itens estéticos, como o aerofólio traseiro e as rodas de 19 polegadas pintadas de preto, além de melhorias mecânicas voltadas ao desempenho: freios redimensionados, diferencial com deslizamento limitado, amortecedores magnéticos adaptativos, pneus Michelin Pilot Sport 4S e o radiador do Mustang GT 350 de 526 cv.

O Mustang leva sob o capô uma versão atualizada do motor Coyote 5.0 V8 com quatro válvulas por cilindros e sistemas de injeção direta e indireta de gasolina. São nada menos que 466 cv de potência a 7.000 rpm e 56,7 kgfm de torque a 4.600 rpm, gerenciados pelo câmbio automático de 10 marchas desenvolvido pela Ford em parceria com a GM.


Créditos: CarSale

(3)

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *